Adversários políticos, Alan Rick e Jamyl se unem para tomar o DEM de Bocalom

0

Assis Brasil

A situação dos servidores de Assis Brasil é grave. Não bastasse estarem com salários atrasados ainda têm que aguentar a afronta do prefeito da cidade, Antônio Barbosa, o Zum (PSDB), que propôs pagar o valor atrasado em 10 suaves parcelas. Isso que se chama proposta indecente.

Lamentável

Os servidores atingidos pelo atraso no pagamento de salários em Assis Brasil são os da área da educação. Belo tratamento que o prefeito Zum dispensa aos educadores.

Silêncio ensurdecedor

Mesmo diante da comoção causada pelas imagens chocantes da decapitação da jovem Débora, a Secretaria de Segurança Pública não emitiu uma nota sequer a respeito do assunto.

Nada a declarar

O mínimo que se esperava era que o secretário de Segurança Pública, Emylson Farias, viesse a público falar sobre o caso.

Ressentimento de Jamyl o uniu a Alan Rick

Ressentido pelo fato de Bocalom ter assumido a direção do DEM há tempos atrás, o ex-deputado Jamyl Asfury esqueceu as diferenças que tinha com Alan Rick e se uniu ao deputado federal no plano de tomar o partido de Bocalom.

Velhos rivais

Para quem não sabe, Jamyl Asfury e Alan Rick rivalizaram muito em suas atuações políticas e dentro da igreja onde congregavam.

Velha política

É a velha política sendo pautada não em planos e afinidades e, sim, em desafetos em comum. Triste ver que as pessoas não estão dispostas a construir uma nova política.

Show de arrogância

Alan Rick segue dando show de arrogância, aliás esse rapaz não para de surpreender negativamente. No desespero de ser vice de Gladson Cameli (PP) ele tem perdido completamente o bom senso.

Sem surpresas

Se Alan Rick não conseguir ser vice de Gladson Cameli não será surpresa pra ninguém se ele der chilique e retaliar o projeto político.

Absurdo

De todos os absurdos já vistos nos últimos tempos está esse do prefeito Marcus Alexandre (PT) ser vítima de preconceito religioso. Ora essa, se ele quiser andar em todas as religiões, qual o problema disso?

Preconceito religioso

Como bem disse a jornalista Angélica Paiva não se pode aceitar manifestações preconceituosas a respeito de religiões. Realmente deveria acontecer mais seminários tipo aquele que o Ministério Público do Acre realizou contra a intolerância religiosa.

Bom dia a todos

Comentários

comentários