‘Tenham cuidado com as acusações contra o secretário Mauro’, alerta Tião Bocalom

0

O candidato derrotado ao governo do Acre em 2010, Tião Bocalom, saiu em defesa do secretário de Educação de Gladson Cameli, professor Mauro Sérgio, criticado por uma ala da situação descontente com as nomeações de pessoas ligadas à Frente Popular do Acre no atual governo.

Em uma publicação no seu perfil no Facebook, Bocalom elogiou Mauro e Gladson Cameli, e alertou os críticos do professor que aceitou o convite para ser secretário de Estado.

“Meus amigos da oposição (atual situação), muito cuidado com a acusação feita sobre o professor Mauro, atual secretário de Educação de nosso querido Estado do Acre! Ele, desde 2010, me ajudou nas formulações de meus Planos de Governo, tanto para o Estado, como para a Prefeitura de Rio Branco. Ele sempre me acompanhou desde quando era gestor da Fundação Bradesco, e nunca escondeu de nossa equipe que era filiado ao PSB, e como nunca teve nenhum interesse em se candidatar, mantinha tua filiação com nossa anuência, porém, não compactuava com o governo da Frente Popular, por isto, nos acompanhava”, escreveu Bocalom.

Bocalom continuou sua publicação alertando os militantes da situação para que tenham cuidado na hora de selecionarem os opositores de Gladson Cameli.

“Portanto, amigos da oposição, principalmente os mais antigos, muito cuidado ao selecionar os verdadeiros opositores que nos ajudaram nesta luta para expulsar os Petistas do Governo! Apenas para informar, para que não haja nenhuma suspeita: Em momento nenhum, falei com o governador Gladson Cameli, ou outro membro de sua equipe sobre o aproveitamento do Professor Mauro em seu governo, aliás, acho que o Governador precisa de tranquilidade para montar uma boa equipe e Governar. Também sou a favor de aproveitar o máximo possível, nossos guerreiros da oposição, fato tal, que vejo muita boa vontade de nosso Governador”, finalizou.

Comentários

comentários