Após corte do auxílio alimentação, policiais e bombeiros tomam as ruas de Rio Branco durante protesto

0

Centenas de bombeiros e policiais militares realizaram um protesto na manhã desta quarta-feira (7), pelas principais ruas de Rio Branco, contra o anúncio do corte do ticket alimentação destinado a militares.

O protesto se encerrou na Assembleia Legislativa do Acre onde foram recebidos por uma comissão mista de deputados estaduais para pedir intermediação junto ao Executivo.

Representantes da categoria se reuniram com deputados
Representantes da categoria se reuniram com deputados

O presidente da Associação dos Militares do Acre (AME), Joelson Dias, afirmou que o governo não está valorizando o trabalho dos militares.

“O governo está deixando claro que não vale a pena servir ao Estado, quem trabalha hoje é por amor à farda. Como se não bastasse toda a desvalorização dos últimos anos eles ainda ousam tirar o auxílio alimentação. Grande absurdo. Eles querem tirar o auxílio até de viúvas de policiais que morreram trabalhando para defender a sociedade”, disse.

Joelson aproveitou a manifestação e frisou que o quadro de policiais está defasado, que a tropa está com coletes vencidos e trabalhando em viaturas velhas.

Comentários

comentários