Acre corre risco de perder cerca de R$ 100 milhões em investimentos

0

A secretaria de infraestrutura corre contra o tempo para o estado não perder R$ 95 milhões destinados à melhoria de ramais. Há dois anos este dinheiro está na conta, mas a burocracia não permite que os recursos sejam aplicados em um dos setores que mais prejudica a economia do estado, que são estradas para escoar a produção rural.

Se até junho o estado não concluir e entrega do projeto o dinheiro retorna para o Ministério da Integração. Segundo o secretário Tiago Caetano, um novo projeto está sendo elaborado para que em seis meses o dinheiro seja aplicado.

No projeto anterior a previsão era de apenas 5 ramais, agora haverá uma mudança para levar melhoria imediata aos locais onde haja uma produção consolidada ou cadeias sensíveis com a do leite. Vão ter prioridade ainda os ramais com escolas e postos de saúde.

O secretário disse ainda que o governo prepara um grande programa de infraestrutura e nessa lista estão os ramais. “Hoje precisamos definir competências, há uma grande dúvida onde atua estão os municípios e o Incra, vamos delimitar essas áreas, melhorar os ramais e cobrar das prefeituras a manutenção”, esclareceu.

Para conseguir fechar quais ramais vão ter prioridades a Secretaria de Infraestrutura pretende sentar com as secretarias de Produção, Educação e Saúde. Ao todo o estado tem mais de 13.000 ramais, o projeto do governo é chegar em pelo menos 5.000.

Com informações da Tribuna

Comentários

comentários