Usando marretas e com escopetas, criminosos destroem câmera de monitoramento no Acre

0

Na madrugada desta quinta-feira, 28 de junho, por volta da 2 horas, 3 homens armados de marretas e uma escopeta, destruíram a câmera de videomonitoramento instalada na Rua Manoel Bayma, Bairro Avelino Leal em Tarauacá, através do Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) que funciona dentro do Quartel do 7º Batalhão. Uma verdadeira afronta às forças de segurança, a justiça e a população do município.

Ao perceber a movimentação na filmagem através do centro de monitoramento, policiais de plantão acionaram a guarnição de serviço, que agiu rápido e prendeu um dos suspeitos. Os outros dois já foram identificados e a prisão dos mesmos é questão de tempo.

“Pelo vídeo é possível ver que eram três sujeitos, 2 com marretas quebraram o poste e destruíram a câmera, enquanto o outro com uma escopeta fazia a segurança. São membros de facções criminosas que agem para poderem contuinuar “, disse um policial. A polícia não divulgou o vídeo, justificando que o mesmo está sendo usado na investigação do crime.

O comandante do Sétimo Batalhão de Tarauacá disse que o prejuízo para a população é avaliado em 10 mil reais mas, que a polícia não vai recuar um milímetro na luta contra o crime. “A Polícia Militar ja prendeu um dos suspeitos e vai vai prender todos esses criminosos, instalar uma nova câmera no local e continuar sua luta em defesa da população”, disse o comandante.

O delegado de Polícia Civil, José Obetânio, que está investigando o caso, disse que todos já foram identificados, serão presos e enquadrados nos crimes de destruição do patrimônio público, formação de quadrilha e outros.

Com informações do Portal Tarauacá

Comentários

comentários