Mototaxista de Sena cai em golpe e perde R$ 50 mil reais ao comprar trator pela OLX

0

O mototaxista Antônio da Silva caiu em um golpe aplicado na internet e adiou o sonho de comprar um trator para prestar serviços na cidade de Sena Madureira, no Acre.

Na tarde de segunda-feira (20), Antônio procurou a imprensa para denunciar que foi vítima de uma quadrilha de estelionatários de Mato Grosso ao tentar comprar um trator na OLX, plataforma de compra e vendas na internet.

“Encontramos esse trator que estava sendo vendido em Brasiléia, negociamos com a pessoa que se dizia dona do trator, mas após fazer o depósito bancário dos R$ 50 mil reais descobrimos que se tratava de uma fraude de uma quadrilha de Mato Grosso”, conta Antônio.

Antônio explica que o genro dele foi até Brasiléia para ver o trator, que realmente estava no local, mas ao efetuar o pagamento, o mototaxista depositou o dinheiro na conta do criminoso que se passava como sócio do dono do trator, e não na conta do verdadeiro proprietário que residia em Brasiléia.

“Meu genro que encontrou o trato na OLX, foi até Brasiléia e olhou a máquina. Ele disse que eu podia transferir o dinheiro porque o trator estava bom. Transferi o dinheiro para a conta que o negociador me passou, mas depois descobrimos que se tratava de um golpe. O estelionatário usou as fotos do trator de Brasiléia e se passou como dono para aplicar o golpe”, explica Antônio.

O mototaxista conta que ligou para o verdadeiro dono do trator para liberar a máquina, mas foi informado que o dinheiro não tinha caído na conta dele.

“Após meu genro ver o trator eu transferi o dinheiro, mas não caiu na conta do verdadeiro dono que não liberou o trator. Diante disso, descobrimos que se tratava de um golpe”, conta.

Antônio procurou a delegacia para prestar queixa do crime, mas encontrou dificuldades por se tratar de um crime que deixa poucos rastros na internet. Ele conta que uma funcionária da Caixa Econômica afirmou que assim que o dinheiro caiu na conta do criminoso foi transferido para outras cinco contas de Mato Grosso.

O mototaxista lamenta o fato, pois tinha pedido R$ 45 mil reais emprestados da sua mãe para realizar seu sonho.

“Eu pedi R$ 45 mil reais para realizar esse meu sonho de ter um trator. Agora o dinheiro sumiu e a gerente do banco disse que é impossível resgatar o dinheiro. Vou ter que trabalhar para pagar minha mãe”, diz.

Comentários

comentários