Em meio à crise, Câmaras do Acre aprovam supersalários; prefeito de Porto Walter vai receber R$ 8,4 mil

Câmara como de Tarauacá , Cruzeiro, Brasiléia e Manoel Urbano também reajustaram os salários de prefeitos, vices e vereadores

0
Prefeito da pequena Porto Walter também receberá aumento salarial/Foto: G1
Prefeito da pequena Porto Walter também receberá aumento salarial/Foto: G1

Mesmo o país estando mergulhado em uma crise econômica e os atuais gestores dos municípios acreanos tendo declarado dificuldades para pagar até o salário dos servidores, várias Câmaras Municipais aprovaram aumento para futuros vereadores e prefeitos de cidades acreanas.

Os últimos que autorizaram o gordo reajuste foram os vereadores de Porto Walter, que reajustaram o salário do prefeito para R$ 8,4 mil e R$ 5 mil para o vice-prefeito.

O aumento do salário foi formalizado através da lei número 296 de 25 de novembro de 2016 e foi publicada no Diário Oficial número 11.930 publicada nesta quinta-feira (8).

O reajuste dos salários do prefeito e vice em Porto Walter foi publicada um dia após a Câmara de Brasiléia ter aprovado um reajuste de 50% nos salários a serem pagos a vereadores, prefeito e vice naquela cidade.

A futura prefeita, Fernanda Hassem (PT), irá receber R$ 15 mil, o vice-prefeito R$ 7,5 mil, e o salário do vereador ficou fixado em R$ 4,5 mil.

Em Cruzeiro do Sul, o reajuste foi de 26% e o futuro prefeito terá um salário de R$ 26,5 mil e o vereador receberá R$ 10,1 mil por mês.

Câmara como de Tarauacá e Manoel Urbano também reajustaram os salários de prefeitos, vices e vereadores.

Comentários

comentários