Gonzaga diz que “é uma vergonha” petistas culparem Temer pela péssima qualidade da BR-364

0
BR-364 entre Manoel Urbano e Feijó

O líder do PSDB na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Luiz Gonzaga, usou a tribuna do parlamento na manhã desta terça-feira (22) para afirmar que é inaceitável e vergonhoso o fato dos deputados da base do governador Tião Viana (PT) culparem o governo do presidente Michel Temer (PMDB) pela situação de precariedade da BR-364.

Gonzaga afirmou que a responsabilidade total pela situação de infrafegabilidade da BR é do próprio PT que administra o Acre há quase duas décadas e que também esteve à frente do governo federal.

O deputado do PSDB afirmou que não simpatiza com o governo de Michel Temer, mas que culpá-lo pela situação da rodovia é absurdo.

“Não tenho a mínima simpatia pelo governo Temer, mas não posso aceitar que agora se aproveitem dele estar no governo para culpá-lo pela situação da BR que eles jamais resolveram enquanto administravam mesmo com a imensa quantidade de recurso destinada”, diz.

Deputado Luiz Gonzaga (PSDB)

Luiz Gonzaga afirmou, ainda, que é uma vergonha o PT ter administrado o Acre por quase 20 anos, recebendo recursos altíssimos e mesmo assim não ter concluído a obra da BR-364.

“Por que quando a Dilma Rousseff estava no governo pelo menos não resolveu a parte da mínima recuperação. Eles, aqui no Acre, estão há quase 20 anos para construir uma estrada e não deram conta, isso é uma vergonha. O mínimo que esperamos agora é que eles venham aqui e nos digam a realidade do que está acontecendo”, declarou.

O discuso de Gonzaga foi endossado pelo deputado do PSD, Jairo Carvalho, que afirmou que deputados do PT não têm moral para falar de BR.

“Não tem moral para falar de BR, porque nunca fizeram uma obra que prestasse ali”, declarou.

O discurso dos parlamentares de oposição foi rebatendo o discurso do deputado Jonas Lima (PT) que afirmou que a BR-364 está intrafegável por culpa do governo Michel Temer.

Comentários

comentários