Greve no Hospital Regional de Cruzeiro do Sul continua; Aleac vai fazer audiência pública

0

Mesmo com a participação ativa de alguns deputados, que se dispuseram em realizar uma audiência pública em Cruzeiro do Sul para debater a crise no setor de Saúde local, a greve no Hospital Regional de Cruzeiro do Sul continua firme e forte. O Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Estado do Acre (Sintesac) avalia que o movimento está atingindo os seus objetivos vem se fortelecendo.

Conforme revelou Alesta Amâncio, diretora do sindicato e presidente do Conselho Municipal de Saúde da capital, o Sintesac avalia como vitorioso movimento dos servidores da Anssau, instituição que administra o hospital de Cruzeiro do Sul.

“As ruas de acesso àquela unidade hospital foram fechadas e todos os profissionais de saúde aderiram ao movimento. Os servidores de limpeza e demais somente não aderiram por não terem assinado o acordo coletivo, o que deverá ser feito no escritório da Anssau em Rio Branco e, para isso, estamos aguardando os contatos da assessoria jurídica”, afirmou Alesta.

Aleac fará audiência pública

Entre as ações políticas, o Sintesac conseguiu sensibilizar alguns deputados, dentre eles Nélsos Sales (PP), o qual propôs a realização de uma audiência pública da Assembleia Legislativa do Estado Acre (Aleac) no Juruá para discutir a questão. A ação conta ainda com a participação efetiva do deputado Raimundinho da Saúde (Podemos), que tem acompanhado de perto o movimento. Na audiência pública, as categorias vão negociar seus contratos de trabalho.

“Inicialmente a audiência da Aleac está prevista para terça-feira, dia cinco. Mas o pedido deve ser apresentado e votado nesta terça-feira (30) e a data pode mudar. Mas acreditamos e esperamos que a discussão sobre a Anssau e o Hospital de Cruzeiro do Sul sejam ampliadas e, com isso, resolvidas as pendências trabalhistas”, concluiu Alesta.

Comentários

comentários