Cruzeiro do Sul decreta estado de emergência após cheia do rio Juruá atingir 20 mil famílias

0
Zequinha Lima visita famílias desabrigadas pela cheia/Foto: Assessoria

O fenômeno da cheia do Rio Juruá em Cruzeiro do Sul já afeta, direta e indiretamente, 20 mil famílias, segundo dados da Defesa Civil. Em decorrência do prejuízo humano e econômico da enchente, a Prefeitura de Cruzeiro do Sul decretou Situação de Emergência nesta quinta-feira, 7.

Pela manhã, o manancial registrou a cota de 13,66 metros. No município, 6.500 famílias foram atingidas pelas águas. A situação é grave e preocupa os governantes.

“A subida do nível do rio afeta muitos cruzeirenses e, por isso, decretamos a Situação de Emergência. O Governo do Estado tem nos dado apoio, mas, nesse momento é necessário também o apoio do governo federal. Já estamos nosso articulando com os deputados federais acreanos para agilizar o repasse de recurso que vai minimizar os danos sofridos pela nossa população”, salientou o prefeito em exercício, Zequinha Lima.

Segundo o coordenador de Defesa Civil Municipal, oitos bairros foram afetados. “A situação está bem complicada, por isso, temos nos mantido em alerta, realizando a remoção das famílias para casa de parentes, amigos e abrigos públicos”, explicou.

Prefeito em exercício, Zequinha Lima

A Prefeitura tem dado todo o auxílio às vítimas, com atendimentos sociais e de saúde. Algumas famílias estão sendo contempladas com o benefício do aluguel social.

Assessoria

Comentários

comentários