24 julho 2024

Pesquisa em Rio Branco: Marcus Alexandre lidera seguido por Tião Bocalom

Por Aikon Vitor, da Folha do Acre

Date:

O Instituto Delta, em parceria com o ContilNet, divulgou uma nova pesquisa eleitoral sobre a disputa pela Prefeitura de Rio Branco em 2024. Registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o número 03242/2024, a pesquisa coletou 805 entrevistas entre os dias 03 e 06 de julho.

Pesquisa induzida

Quando apresentados aos nomes dos pré-candidatos, Marcus Alexandre (MDB) aparece na liderança com 44,47% das intenções de voto. O atual prefeito, Tião Bocalom (PL), vem em segundo lugar com 37,14%, enquanto Emerson Jarude (NOVO) possui 4,72%. Os votos brancos ou nulos somam 4,10%, e 9,57% dos entrevistados não souberam responder. Jenilson Leite não foi incluído nesta pesquisa, pois sua pré-candidatura foi confirmada após o término do período de coleta de dados.

Pesquisa espontânea

Na pesquisa espontânea, onde os nomes dos pré-candidatos não são apresentados, Bocalom lidera com 23,11%, seguido de perto por Marcus Alexandre, que registra 22,61%. Emerson Jarude aparece com 0,87%. Além disso, 0,37% dos entrevistados mencionaram outros candidatos; votos brancos ou nulos somam 2,61%, e uma significativa parcela de 50,43% não soube ou não quis responder.

Decisão de voto

Sobre a firmeza do voto, 67,58% dos entrevistados afirmaram que sua escolha já está decidida, enquanto 28,45% indicaram que ainda podem mudar de opinião. Apenas 3,97% não souberam responder ou não responderam.

Cenários de disputa

Em um cenário hipotético entre Marcus Alexandre e Emerson Jarude, o ex-prefeito de Rio Branco lidera com 61,74%, contra 14,41% do atual deputado. Os votos brancos ou nulos somam 9,69%, e 14,16% não souberam responder.

Se a disputa fosse entre Marcus Alexandre e Tião Bocalom, o ex-prefeito obteria 46,83% dos votos, enquanto o atual prefeito alcançaria 38,14%. Neste cenário, 6,09% optariam por votos brancos ou nulos, e 8,94% não souberam ou não responderam.

Rejeição dos candidatos

Quando questionados sobre em quem não votariam de jeito nenhum para prefeito de Rio Branco em 2024, 37,76% dos eleitores mencionaram Emerson Jarude. Tião Bocalom foi citado por 31,06% dos entrevistados, enquanto Marcus Alexandre teve a menor rejeição, com 16,77%. Um total de 14,41% não souberam responder ou não responderam.

Sobre as expectativas para a próxima administração municipal, 36,65% dos entrevistados desejam que o futuro prefeito “mantenha só alguns programas, mas mude muita coisa”. Outros 35,53% preferem uma mudança total na administração. Além disso, 11,18% gostariam que “fizesse poucas mudanças e desse continuidade para muita coisa”, e 14,16% apoiam uma “total continuidade” à administração atual. Apenas 2,48% não souberam ou não responderam.

A pesquisa possui uma margem de erro de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos, e um nível de confiança de 95%.

Últimas