23 junho 2024

Segurança Pública em alerta: 13 presidiários estão foragidos no Acre

Por Aikon Vitor, da Folha do Acre

Date:

O sistema de monitoramento eletrônico destinado aos reeducandos do presídio Evaristo de Moraes, localizado em Sena Madureira, estado do Acre, tem enfrentado desafios significativos na sua implementação. Recentemente, constatou-se que pelo menos 13 indivíduos que transitaram do regime fechado para o monitoramento eletrônico são atualmente considerados foragidos da justiça, evidenciando uma lacuna na efetividade desse benefício concedido pela jurisdição acreana.

A problemática torna-se mais evidente com a constatação de que a maioria dos reeducandos em questão optou por romper a tornozeleira eletrônica, evadindo-se do sistema. Essa situação ocorre tanto em Sena Madureira, onde há 8 casos, quanto em Manoel Urbano, onde 5 indivíduos encontram-se nessa condição.

Diversos reeducandos que não estavam em conformidade com as regras do monitoramento foram recolhidos ao presídio, demonstrando a determinação em garantir o cumprimento adequado das medidas impostas.

Neste cenário, a Polícia Penal continua os esforços para localizar os 13 foragidos e restaurar a integridade do sistema de monitoramento eletrônico. Atualmente, 186 reeducandos estão sob monitoramento, sendo 157 em Sena Madureira e 29 em Manoel Urbano.

Últimas