23 abril 2024

Padeiro é morto a tiros horas após se mudar para o Taquari; ‘ele não era de facção’, diz mãe

Redação Folha do Acre

Date:

Na noite desta quinta-feira, 22, Fábio J. Pimentel, de 25 anos, foi vítima de um fatal ataque a tiros em sua residência localizada na Travessa Rio Branco, bairro Taquari, no Segundo Distrito de Rio Branco.

De acordo com relatos de familiares, Fábio, anteriormente morador da Baixada da Sobral, havia mudado-se com sua família para a nova casa no Taquari durante a tarde do mesmo dia. A tragédia se desenrolou quando dois indivíduos não identificados invadiram a residência, rendendo toda a família.

A mãe de Fábio revelou que um dos agressores questionou a origem do jovem e se ele tinha envolvimento com alguma organização criminosa. Mesmo negando, Fábio foi brutalmente atingido por três tiros na cabeça diante de sua mãe, esposa e filhos.

Após o ataque, os criminosos empreenderam fuga, enquanto o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi chamado. Infelizmente, ao chegarem ao local, os paramédicos não puderam salvar Fábio, que já estava sem vida. A área foi isolada pela Polícia Militar do 2° Batalhão para a realização dos procedimentos periciais. As características dos agressores foram registradas, e buscas foram conduzidas na região, sem êxito na captura.

A polícia, ao esclarecer que Fábio não tinha antecedentes criminais nem vínculos com facções, informou que o caso está sob investigação pela Equipe de Pronto Emprego (EPE) da Polícia Civil. Posteriormente, será repassado à Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP). A comunidade local permanece abalada diante desse episódio trágico e violento.

Últimas