24 abril 2024

Jarude ajuda no resgate de famílias e animais alagados: “Ninguém fica para trás”

Assessoria

Date:

Desde que as águas do Rio Acre atingiram as primeiras famílias em Rio Branco, um gabinete de crise foi instalado pelo deputado estadual Emerson Jarude (NOVO) onde um time formado por assessores e parceiros iniciou a operação Rio Branco Ama Rio Branco que saiu ao resgate de quem precisava.

Uma delas foi a Linden Kátia, que junto com seus 11 gatos precisava sair da casa que moram na Baixada da Habitasa. Além de não ter seu chamado atendido pelo poder público, ela enfrentava outro problema: não podia levar os seus gatos porque os abrigos disponibilizados pela Prefeitura não aceitavam e, claro, ela se recusava a deixá-los.

“Eu implorei para a moça do abrigo, porque eu estava sozinha numa sala enorme e quase me ajoelhei para ela e nada. Deixaram a água entrar e agora temos que resgatar esses gatos”, disse, emocionada, Linden ao abraçar Jarude agradecendo pelo resgate neste domingo (25).

Após todo o transtorno ocasionado pela demora na construção do local adequado para receber animais, os gatos foram levados ao abrigo no Parque de Exposições, que foi fiscalizado pela equipe do deputado.

“No sábado, quando tomamos conhecimento do caso da Linden, que desde a sexta-feira ligava para os órgãos responsáveis explicando que a água estava perto de entrar na sua casa fizemos todo o possível para que ela fosse acolhida em um abrigo, mas apesar das tentativas, ela não foi autorizada a levar os seus gatinhos. Nós nos comprometemos a resgatá-los no dia seguinte, quando prometeram terminar de construir o local para eles no Parque de Exposições, e assim fizemos. Com a gente, ninguém fica para trás, e isso inclui os animais”, salientou o Emerson Jarude.

Outro ponto visitado pelo parlamentar foi o bairro Hélio Melo, conhecido como Sapolândia, onde muitos moradores atingidas pelo transbordamento dos igarapés Dias Martins e São Francisco, que banham a região, estão com as casas praticamente submersas e outros tantos estão ilhados, precisando de comida e água. Lá o projeto Amigos Solidários, idealizado por Darineudo Souza, está auxiliando para que as pessoas sejam atendidas. Jarude acompanhou de perto a situação e se dispôs a fornecer a água e também os alimentos para que as refeições sejam serão preparadas pelos Amigos Solidários.

“Gratidão a todos vocês que saem de casa em um domingo, mesmo sem nos conhecer. Gratidão pelo senhor vir aqui olhar a nossa situação e trazer apoio e suporte que vai ajudar muitas famílias”, disse Luciana, vice-presidente da associação de moradores.

Em três dias a Operação Rio Branco Ama Rio Branco já atendeu cerca de 85 pessoas e mais de 30 animais.

Últimas