23 junho 2024

Devido a enchentes, bairro de Brasiléia pode ter se movido para a Bolívia

Por Aikon Vitor, da Folha do Acre

Date:

Com aproximadamente 80% da área urbana inundada, Brasileia observa cenas notáveis e sem precedentes à medida que o nível da água continua a subir. Os rios alcançaram a marca de 15,58 metros, ultrapassando todos os registros históricos anteriores. No bairro de Leonardo Barbosa, nos arredores da cidade, a única via de acesso foi submersa, e as imagens sugerem que a erosão pode ter conectado o bairro ao território boliviano.

As implicações do aumento do nível da água levantam questões sobre os limites territoriais definidos pelo Tratado de Petrópolis na região do Acre. O acordo, que utilizou os cursos dos rios Acre e Purus para estabelecer a fronteira entre Brasil e Bolívia, agora enfrenta desafios diante das mudanças na paisagem devido às inundações.

A transferência de território do Acre para o Brasil, delineada no tratado para atender aos interesses estratégicos e econômicos das nações envolvidas no início do século XX, adquire uma perspectiva única diante da situação atual em Brasileia.

Últimas