19 junho 2024

Gonzaga leva superintendente do MAPA para conhecer produtos naturais do Acre e debatem exportação de óleos e sabonetes

Assessoria

Date:

O presidente da Assembleia Legislativa do Acre, (Aleac), deputado Luiz Gonzaga, aproveitou o recesso parlamentar para cumprir agendas no Juruá e visitou nesta sexta-feira (22) o produtor rural Manoel Bezerra, que mora em Mâncio Lima e investiu na produção de sabão, sabonetes e óleos usando plantas da Amazônia como matéria-prima.

Gonzaga, que defende investimentos para a agroindústria acreana como forma de desenvolviemnto do estado, convidou o superintendente do Ministério da Agricultura e Agropecuária no Acre (Mapa), Paulo Trindade, para visitar a propriedade do seu Manoel e conhecer o trabalho por ele realizado com produtos extraídos da natureza.

Manoel Bezerra produz sabões e sabonetes artesanais com matéria-prima extraída de plantas e também óleos a base de açaí, buriti, cacau, café, dentro outros frutos.

Luiz Gonzaga afirmou que o Acre tem um grande potencial na produção de óleos e sabonetes naturais e a visita do superintende do MAPA é importante para colocar o Acre como exportador desses produtos para o mercado mundial.

“A visita ao senhor Manoel Bezerra foi imporante, pois o Acre tem um grande potencial de produção de produtos naturais e a visita do superintendente do MAPA servirá para buscarmos uma exportação dos produtos acreanos para outros países. Essa visita do Paulo Trindade é imporante para ele ver de perto o potencial do nosso estado. Hoje é possível produzir sem desmatar e destruir o meio ambiente. E a produção de óleos e sabonetes é uma forma de gerar renda ao povo acreano sem destruir nossas florestas”, disse Gonzaga.

O superintendente Paulo Trindade se mostrou animado com a produção de itens naturais no Acre.

“Recebemos a missão do ministro para sairmos do gabiente e conhecer de perto nossos produtores. Com essa visita a Mâncio Lima notei que nossos trabalhadores do Acre são guerreiros e podem contribuir com produtos e essências que podem ajudar a indústria do cosmético e hospitalar. Precisamos fomentar a venda desses produtos para gerar emprego e renda ao povo”, disse Paulo.

O produtor Manoel Bezerra conta que desde criança trabalhava com extração de óleos no Ceará ajudando sua mãe e ao se mudar para o Acre encontrou na região uma grande riqueza de plantas medicinais e frutíferas que proporcionam produtos de alta qualidade.

“Desde criança eu trabalho com extração de óleos. Ajudei minha mãe no Ceará a extrair óleos e ao chegar ao Acre resolvi voltar às origens e trabalhar com matérias-primas da natureza. A Amazônia tem uma diversidade de plantas que oferecem essências e óleos que não são encontrados em nem outro lugar. Diante disso, comecei a produzir sabão, sabonetes e óleos. Hoje faço produtos que ajudam como medicamentos naturais, shampoos e essências”, explicou o produtor.

Últimas