21 maio 2024

Primo dos filhos de Bolsonaro, Léo Índio é alvo da PF em nova operação do 8/1

O Tempo

Date:

Primo dos três filhos mais velhos do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), Leonardo Rodrigues de Jesus, o Léo Índio, é alvo de busca e apreensão na 19ª fase da Operação Lesa Pátria, deflagrada na manhã desta quarta-feira (25). Essa é a segunda vez que ele entra na mira da ação que visa identificar pessoas que incitaram, participaram e fomentaram os fatos ocorridos em 8 de janeiro, quando o Palácio do Planalto, o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal (STF) foram invadidos e depredados para provocar intervenção militar. A primeira foi em janeiro, duas semanas após os ataques aos prédios.

Primo dos três filhos mais velhos do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), Leonardo Rodrigues de Jesus, o Léo Índio, é alvo de busca e apreensão na 19ª fase da Operação Lesa Pátria, deflagrada na manhã desta quarta-feira (25). Essa é a segunda vez que ele entra na mira da ação que visa identificar pessoas que incitaram, participaram e fomentaram os fatos ocorridos em 8 de janeiro, quando o Palácio do Planalto, o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal (STF) foram invadidos e depredados para provocar intervenção militar. A primeira foi em janeiro, duas semanas após os ataques aos prédios.

Primo dos três filhos mais velhos do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), Leonardo Rodrigues de Jesus, o Léo Índio, é alvo de busca e apreensão na 19ª fase da Operação Lesa Pátria, deflagrada na manhã desta quarta-feira (25). Essa é a segunda vez que ele entra na mira da ação que visa identificar pessoas que incitaram, participaram e fomentaram os fatos ocorridos em 8 de janeiro, quando o Palácio do Planalto, o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal (STF) foram invadidos e depredados para provocar intervenção militar. A primeira foi em janeiro, duas semanas após os ataques aos prédios.

 

Últimas