21 maio 2024

Prefeitura criará rotas alternativas durante obras do elevado na Estrada Dias Martins

Assessoria

Date:

A avenida Ceará e a Estrada Dias Martins vão sofrer intervenção no trânsito por conta da construção do elevado em frente ao Araújo Mix. A obra já recebeu a ordem de serviço e tem previsão para ser concluída em oito meses. Nessa quarta-feira (18), a RBTrans começou a definir as rotas alternativas pelos bairros Esperança e Tangará para os veículos que transitam tanto no sentido centro-bairro, como no bairro-centro.

“Nosso papel é sinalizar e orientar o trânsito para as pessoas que acessarão a região do Universitário, Tucumã, Universidade, a partir do início das obras. É fazer com que o cidadão tenha o menor impacto possível nas suas vidas. Vamos distribuir panfletos de orientação, com os mapas das vias que serão destinadas para fazer essa rota alternativa, sinalizar as vias também com horizontal e vertical, as vias que terão fluxo em mão dupla e em mão sentido único”, diz o superintendente da RBTrans, Benício Dias.

O percurso será feito por 12 ruas alternativas. São elas: alamedas Itália e Portugal, ruas General Vieira de Melo, Cruzeiro do sul, Maria das Dores, Finlândia, Campos, Niterói, travessa Santa Lúcia, alamedas Franca, Sevilha e Viena. Segundo o diretor-presidente da Emurb, todas as ruas receberão manutenção constante.

“A grande preocupação do nosso prefeito Tião Bocalom é impactar a cidade o mínimo possível com essa obra. A Emurb entra na parte de estrutura do pavimento. Nosso pavimento está um pouco cansado, só com asfaltos antigos. A gente sabe que algumas rotas têm problemas de ordem estrutural. E essa é a nossa função. Vamos dar a melhor trafegabilidade para as pessoas e uma melhor estrutura para o pavimento nessa época, nessa grande obra que a gente está executando”, explica Benvindo.

Condutores que fazem o percurso todos os dias pela Dias Martins não precisam se preocupar. Quinze dias antes do início das obras começarem a RBTrans já terá a rota alternativa definida e liberada para o tráfego de reconhecimento.

“A quantidade de veículos que acessam a Ceará, nesse sentido dos bairros Tucumã e Universitário, é muito grande. Queremos pulverizar esse trânsito aqui dentro do Esperança e do Tangará para que ele tenha o melhor fluxo possível. A partir desse momento, o cidadão mesmo vai escolher a sua rota. Nós vamos oferecer 12 rotas alternativas, mas eu tenho certeza que quando o cidadão começar a ter acesso a essas vias, ele mesmo encontra o seu melhor caminho. A nossa expectativa é esta”, finaliza o superintendente da RBTrans.

Últimas