21 fevereiro 2024

MP recorrerá da decisão que negou prisão de empresário que agrediu jovem em Brasileia

Ascom MP/AC

Date:

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC), por meio da Promotoria de Justiça Criminal de Brasileia, entrará com recurso contra a decisão da Justiça que negou o pedido de prisão preventiva do empresário acusado de agredir um jovem utilizando um copo de vidro.

O incidente ocorreu na terça-feira, 3 de outubro, em um estabelecimento da cidade, e a agressão resultou na perda da visão de um dos olhos da vítima.

A prisão preventiva foi solicitada pelo MPAC dois dias após o ocorrido, levando em consideração a consistência das evidências quanto à autoria e a gravidade concreta do crime, que chegaram ao conhecimento do Ministério Público após o processo de flagrante. Contudo, a decisão proferida pelo Poder Judiciário manteve a concessão de liberdade provisória ao acusado.

Diante da solidez das evidências apresentadas quanto à autoria do crime e considerando a manutenção da ordem pública, o MPAC irá recorrer contra a decisão judicial.

Últimas