2 março 2024

“Se não for expulso fico até a convenção, que é onde se escolhe candidato”, diz Bocalom

Redação

Date:

O prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom (PP), disse que precisou parar a reunião da qual participa nesta manhã com membros de sua equipe planejando o ato de assinatura da ordem de serviço para o viaduto do Araújo Mix, para responder jornalistas sobre a escolha do nome de Alysson Bestene pela executiva do PP como candidato a prefeito da capital pelo partido.

“Estou trabalhando, gente, mas vamos lá. Eu não vou sair do PP. Tenho história no partido e vou até a convenção, que é o fórum onde se escolhe candidatos”, disse ao Acrenews.

Tião Bocalom garante que sua saída do PP antes da convenção só se dará por meio de uma expulsão. “Se for expulso, aí tenho que sair porque eles são maioria. Fora isso vamos bater chapa lá na convenção”, garante o velho Boca.

Bocalom diz que enquanto o partido decide essas questões internas ele nem muito interessado está. “Minha preocupação é com duas agendas fortes na semana, as ordens de serviços para o viaduto do Araújo Mix e a ponte do Judia, duas obras importantes para a nossa cidade”, informou.

Acre News

Últimas