27 fevereiro 2024

Recém-nascida encontrada morta na Sobral foi vítima de asfixia, diz perícia

Redação

Date:

A bebê de apenas 15 dias encontrada morta na manhã deste sábado, 2, em uma residência no Bairro Boa União, na Baixada da Sobral, foi vítima de asfixia por leite, informou a perícia.

A mãe teria contado à polícia que amamentou a recém-nascida, colocou-a para dormir e depois pegou no sono também. Ao acordar, ela percebeu que a criança estava imóvel e com sangramento no nariz. A mulher chamou por socorro dos vizinhos, que acionaram o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e a polícia.

Moradores do entorno inicialmente suspeitaram que a mãe teria matado a criança, uma vez que outro bebê já havia falecido sob seus cuidados. Segundo informações, ela e o pai, que não havia dormido em casa na sexta-feira, 1º, são usuários de drogas.

A mãe, de 33 anos, tem outros quatro filhos. Dois vivem no Educandário Santa Margarida, um com o pai e outro com o tio. Ela e o atual companheiro, pai do bebê morto asfixiado, foram encaminhados para a delegacia para maiores esclarecimentos.

A Gazeta do Acre

Últimas