25 maio 2024

Governo faz pagamento de vale-alimentação após atraso de 5 meses de empresa terceirizada

Redação

Date:

Após cinco meses de atraso, os terceirizados da empresa Red Pontes, que presta serviços de manutenção predial em unidades de saúde, vão receber o vale-alimentação. A informação foi anunciada pelo secretário de Saúde Pedro Pascoal, que disse, por meio de um vídeo publicado em uma rede social nessa sexta-feira (22), que o pagamento foi feito diretamente aos trabalhadores devido a inconsistências da empresa no cumprimento do contrato. Os salários, porém, continuam em atraso.

“Estamos efetuando nesse momento o pagamento de todo o vale-alimentação que está em atraso, de maneira direta na conta do servidor, em decorrência de inconsistências da empresa”, afirmou Pascoal.

Os funcionários da Red Pontes estavam desde abril sem receber o vale-alimentação, e a empresa também deve pelo menos um mês de salário e férias aos trabalhadores. Na última terça-feira (19), servidores da empresa lotados no pronto-socorro de Rio Branco fecharam a Avenida Nações Unidas para protestar contra os atrasos.

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre) divulgou nota na qual afirma que tem feito os repasses à Red Pontes. O g1 tentou contato com a Red Pontes e não conseguiu retorno até esta publicação.

Após o protesto, uma funcionária da empresa, que preferiu não se identificar, disse ao g1 que a empresa não têm prestado esclarecimentos sobre a situação.

“Eles [a empresa Red Pontes] só falam que não tem previsão, nunca falam qual é o problema realmente”, disse.

Neste sábado (23), a trabalhadora celebrou o pagamento do vale-alimentação, mas lamentou que o salário ainda esteja atrasado.

“Mas, por parte da empresa mesmo, eles nem atendem a nossa ligação, não dão nem uma informação. Eles se isolaram mesmo. Eles não deram nenhuma nota pra gente, disse que ia pagar a gente ontem [sexta-feira, 22] e não pagou. E o que vai nos salvar é isso, que o Pedro Pascoal depositou. No caso, ainda vai cair segunda-feira, está previsto para ser liberado na segunda-feira na nossa conta. Mas, a gente já vê pelo aplicativo”, explicou.

G1

Últimas