27 fevereiro 2024

Com 269 bares, Rio Branco tem mais bares que capitais do Nordeste do país

Redação

Date:

Rio Branco é uma das capitais que menos botecos tem em proporção à sua demografia, mas o número desses estabelecimentos é superior ao de três capitais, incluindo duas do Nordeste.

Levantamento da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), baseado no novo Censo e nas informações da Receita Federal, mostrou que a proporção de bares por habitantes na capital do Acre é de 73,7 bares por 100.000 habitantes.

São 269 botecos no total, proporcionalmente maior que Porto Velho (66,6 bares/100 mil hab); Teresina (65,3) e Natal (64,2).

O Censo 2022, recém-divulgado pelo IBGE, trouxe algumas surpresas, como o crescimento mais lento da população brasileira em relação ao que se previa. Mas também permite tornar oficial um título há muito reconhecido: Belo Horizonte (MG) é a capital com a maior oferta de bares do país. Levantamento da Abrasel comparou os dados de população do Censo com o número de estabelecimentos ativos na base da Receita Federal.

BH desponta na liderança, com 178 bares a cada 100 mil habitantes, bem à frente da segunda colocada, Florianópolis, com 150 bares a cada 100 mil moradores, e muito à frente da cidade do Rio de Janeiro (8ª colocada, 99 bares por 100 mil habitantes) e da cidade de São Paulo (14ª colocada, 78 bares a cada 100 mil).

Levando-se em conta as regiões, além da líder no Sul, Florianópolis, no Norte a liderança fica com Palmas (TO), que tem 130 bares a cada 100 mil habitantes. No Nordeste a primeira colocada é Salvador (BA), com 104 bares a cada 100 mil habitantes.

E no Centro-Oeste a líder é Goiânia (GO), que tem 101 bares a cada 100 mil habitantes. No Sudeste, além da líder Belo Horizonte, há um destaque especial para Vitória (ES), que fica em terceiro lugar no país, com 149 bares a cada 100 mil moradores. O levantamento foi publicado no fim de julho.

Ac24horas

Últimas