29 maio 2024

Colisão: motociclista quase tem perna amputada e o outro fica em estado grave

Redação

Date:

A equipe médica de plantão na noite desta sexta-feira, 8, fez de tudo para salvar a perna esquerda de um jovem de 22 anos que teve o membro praticamente amputado no momento do acidente.

nNa cirurgia, os médicos colocaram fixadores e aguardam o comportamento do organismo do jovem com relação ao equipamento instalado.

A colisão
O acidente envolvendo duas motocicletas aconteceu na tarde desta sexta-feira, 8 no cruzamento da rua Meire Alves com a Alameda Antônio Pessoa Jucá, no bairro Tancredo Neves, na parte alta de Rio Branco.

Em uma moto modelo CG Titan 160, de cor branco trafegavam Nathan de Albuquerque Leite, 22 anos, que ficou gravemente ferido, com uma fratura severa na perna e a passageira Sindhel dos Santos, que sofreu escoriações leves.

Na outra moto, modelo CG Titan 160, de cor branco viajava Mateus Vieira Bezerra, 23 anos, que também ficou ferido com fratura no joelho e clavícula.

Segundo informações de testemunhas, Matheus trafegava pela Alameda Antônio Pessoa Jucá, quando foi surpreendido pelo motociclista Nathan, que estava com uma mulher na garupa saindo da rua Meire Alves, quando houve a colisão.

As duas motos bateram frontalmente e Nathan acabou caindo no asfalto e tendo a perna esquerda semi amputada.

A outra vitima Matheus teve fratura no joelho direito, clavícula e punto direito.

As vítimas foram socorridas por equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência e foram encaminhadas ao Pronto Socorro de Rio Branco, onde a equipe médica conseguiu fazer um reimplante na jovem que sofreu uma quase amputação.

A gazeta do Acre

 

Últimas