17 julho 2024

Pedreiro é assassinado após ter casa invadida na Baixada da Sobral

Redação

Date:

 

O pedreiro José da Silva Brandão, de 47 anos, teve a casa invadida por criminoso e foi morto com vários tiros na manhã desta terça-feira (9), na rua Novo Estado, no bairro João Eduardo 1, na região da Baixada da Sobral, em Rio Branco.

Segundo informações da polícia, José estava dentro da própria residência quando dois homens chegaram no local em uma motocicleta e o passageiro, que estava armado, desceu do veículo, invadiu a casa e disparou várias vezes contra o trabalhador, que não teve chance de reagir e morreu na hora. No momento do ataque, somente um filho da vítima estava em um dos quartos e saiu ileso. Após a ação, os criminosos fugiram do local do crime.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e enviou uma ambulância de suporte avançado para dar os primeiros atendimentos, mas ao chegar no local, os socorristas só puderam atestar morte a José.

A Polícia Militar isolou a área para os trabalhos da perícia e o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), para os exames cadavéricos.

Ainda segundo informações da polícia, José não teria envolvimento com o crime organizado e atuava na profissão de pedreiro.

Policiais militares do 1° Batalhão colheram as informações para tentar procurar pelos acusados de matar José na região, mas ninguém foi encontrado até o momento.

Agentes de Polícia Civil da Equipe de Pronto Emprego (EPE) colheram as primeiras informações e o caso será investigado pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

ContilNet

Últimas