24 abril 2024

Em Brasília, Organização das Cooperativas do Acre e bancada federal debatem estratégias para o fortalecimento do setor

Andréia Oliveira

Date:

 

Acesso ao crédito para pequenos e médios produtores rurais e Frente Parlamentar de Apoio do Cooperativismo foram pautas da reunião

Em reunião com a Bancada Federal do Acre e representantes da Organização Nacional das Cooperativas do Acre (OCB) e Sistema Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (SESCOOP), debateram nesta quarta-feira, 15, estratégias para o fortalecimento do setor. A reunião foi realizada no gabinete do senador Sérgio Petecão.

Entre as pautas, a nova estruturação da Frente Parlamentar de Apoio ao Cooperativismo no Congresso Nacional e a criação de mecanismos para dar celeridade e acesso ao crédito para o pequeno e médio produtor, entre eles projetos de lei que se referem ao fundos constitucionais.

O senador Sérgio Petecão reafirmou o apoio e o compromisso do seu mandato para a defesa de pautas que garantam o fortalecimento do setor cooperativista.

“Essa é uma luta que não começou agora, nós avançamos com algumas questões, mas é preciso avançar ainda mais, um estado como o nosso que precisa dessas linhas de crédito, principalmente o pequeno e o médio produtor, temos que buscar meios para desburocratizar processos e garantir acesso ao crédito para os nossos produtores e empreendedores. A bancada está sensibilizada e empenhada nesse processo”, disse o senador.

Valdemiro Rocha, presidente da Organização das Cooperativas Brasileiras no Acre (OCB-AC), agradeceu a participação dos parlamentares e o empenho no apoio ao fortalecimento do cooperativismo acreano.

“Nosso objetivo era nivelar com os deputados e senadores os principais anseios do setor, entre eles destacamos os recursos operados pelas cooperativas por meio do Fundo Constitucional de Financiamento do Norte – FNO, além da questão do tiket médio que a intenção é aumentar de R$ 200 mil para R$ 1 milhão, o que vai possibilitar uma série de operações, limitação do público alvo com renda bruta anual até R$ 16 milhões, e também sobre a possibilidade de aumento do teto operacional do FNO de 10% para 15 ou 20% para as cooperativas”, detalhou.

Estiveram presentes no encontro o senador Sérgio Petecão, os deputados federais Zezinho Barbary, Eduardo Veloso, Gelén Diniz, as deputadas Socorro Neri e Meire Serafim, Valdemiro Rocha, presidente da OCB-AC, Eduardo Queiroz, Coordenador de Relações Governamentais do Sistema OCB, o diretor do Ramo Transporte da OCB-AC, Emerson Gomes, o diretor do Ramo Agropecuário e secretário-geral da OCB-AC, Edilson Araújo, e Rodrigo Forneck, das Relações Institucionais do Sistema OCB/Seescoop/AC, também participaram de forma remota Uelligton Júlio da Silva, representante da Cooperativa Sicred Biomas e Osvaldo Floravante, do Sicred.

Últimas