quarta-feira, maio 18, 2022
18.3 C
Rio Branco
quarta-feira 18 maio 2022

Servidores públicos lotam galerias da Aleac e protestam contra reajuste de 5,42%

POR Redação Folha do Acre

Centenas de servidores da saúde, segurança e educação decidiram, em conjunto, ocupar a Assembleia Legislativa do Estado do Acre (Aleac) em busca de cobrar um reajuste salarial acima do anunciado pelo governo de 5,42%.

No entanto, o clima ficou tenso depois do anúncio do presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Nicolau Júnior, que reafirmou o compromisso do governo em manter o percentual aos mais de 51 mil servidores.

De acordo com o servidor aposentado Adalberto Alencar, presente na manifestação, o aumento dado pelo governador Gladson Cameli não cobre as perdas salariais dos últimos anos. “Vou resumir em poucas palavras, isso é uma pouca vergonha”, comentou.

De acordo com o deputado Nicolau Júnior, a grande novidade do governo é que após uma análise da equipe econômica o governo decidiu conceder auxílio alimentação aos mais de 51 mil servidores do Estado.

“Todos os servidores públicos vão ter auxílio alimentação. Os que recebem até R$ 4 mil reais vão receber R$ 500 reais e os demais acima dos E R$ 4 mil deverá receber R$ 420 reais”, declarou.

Além disso, o chefe da Casa Civil, Rômulo Grandidier, disse que o reajuste do executivo acreano deverá gerar um impacto superior a R$ 500 milhões.

COLUNISTAS

128 POSTS0 COMENTÁRIOS
38 POSTS0 COMENTÁRIOS
4 POSTS0 COMENTÁRIOS
2 POSTS0 COMENTÁRIOS
- Advertisement -spot_img