quarta-feira, janeiro 26, 2022
29.3 C
Rio Branco
quarta-feira 26 janeiro 2022

Bocalom avalia sua gestão como ótima e rebate críticas sobre promessas não cumpridas

POR Redação Folha do Acre

Em entrevista ao jornal A Gazeta do Acre na sexta-feira (7), o prefeito de Rio Branco, Tião Bocalom (PP), classificou suas gestão como ótima.

O prefeito de Rio Branco fez uma avaliação do primeiro ano de mandato e destacou as prioridades para 2022. Bocalom falou sobre temas polêmicos, como o “câncer” que é o transporte coletivo da Capital; o escândalo envolvendo o ex-secretário de saúde Frank Lima e o apoio a Petecão, nas eleições deste ano.

Quanto às críticas sobre suas promessas não cumpridas (segundo levantamento do G1, ele teria cumprido totalmente apenas uma das 49 pessoas promessas de campanha), o prefeito alega que são “mentiras”, e atribui o fato de ele ser um defensor do presidente Jair Bolsonaro ao motivo pelo qual é atacado. “Isso é mentira! É só ver o trabalho que estamos fazendo. Falei que iríamos arrumar a cidade, que iria ficar limpa, e isso pode ser constatado. Falamos que iríamos tapar os buracos, e estão bem tapados. Falamos que iríamos melhorar a saúde, e estamos melhorando. Infelizmente, esse pessoal que fala isso é o mesmo que pega no ‘pé’ do presidente. Eles não vão denegrir minha imagem. Vamos responder tudo isso com muito trabalho”, afirmou.

Bocalom também falou sobre as Eleições 2022, e destacou que não tolera ingratidão. Apesar de demonstrar seu respeito ao atual governador do Acre Gladson Cameli, e destacar que a relação do Executivo municipal com o governo estadual é boa, Bocalom ressaltou que os únicos apoios que pretende dar, pelo menos até agora, é à atual senadora Mailza Gomes, ao senador Sérgio Petecão e ao deputado estadual José Bestene, que o apoiaram, mesmo “quando ninguém queria apoiar o Bocalom”.

“Nunca gostei de ingratidão. Quem foi que me apoiou nessa eleição agora? Foi a senadora Mailza Gomes, o deputado José Bestene e o senador Sérgio Petecão. Então, como é que eu vou deixar de apoiar o Petecão, caso ele concorra ao governo? Não vou enganar as pessoas. Não tenho nada contra o governador, mas ele sabe da minha posição, nunca menti para ele”, disse.

Candidato ao Governo do Acre por três vezes e outras três à prefeitura de Rio Branco, sendo eleito na última, Bocalom diz que já se sente realizado enquanto gestor municipal e não pretende se candidatar ao governo.

“Sinceramente, sendo prefeito de Rio Branco já me realiza muito. Ser prefeito é uma coisa gostosa, trato direto com as pessoas, sendo governo não, que trata com os prefeitos. Me sinto feliz, já fui prefeito de Acrelândia três vezes e me sai bem, graças a Deus. Não serei candidato ao governo. Quero terminar meu mandato, e quem sabe, ser candidato à reeleição. Gosto de ser prefeito, gosto de cuidar das pessoas. Como sempre digo: não estou na política para ganhar dinheiro, mas para ajudar o povo, os que mais precisam. Ajudar o próximo, esse é o meu sacerdócio, isso desde menino”, diz.

Com informações A Gazeta do Acre

COLUNISTAS

128 POSTS0 COMENTÁRIOS
38 POSTS0 COMENTÁRIOS
4 POSTS0 COMENTÁRIOS
2 POSTS0 COMENTÁRIOS
- Advertisement -spot_img