quarta-feira, janeiro 26, 2022
29.3 C
Rio Branco
quarta-feira 26 janeiro 2022

Gladson lidera pesquisa para o governo com 45% das intenções; Jorge Viana aparece em segundo

POR Redação Folha do Acre

Pesquisa de opinião pública divulgada nesta segunda-feira (13), pela Federação das Indústrias do Estado do Acre (Fieac), revela que o governador Gladson Cameli (PP) continua liderando a corrida eleitoral do ano que vem para continuar na chefia do Palácio Rio Branco. Em pesquisas estimuladas – aquela em que o nome do pré-candidato é lembrado ao eleitor pelo pesquisador -, o governador detém 47% das intenções de votos, mostra o levantamento. Nos questionários em que o pesquisador não revela o nome dos pré-candidatos, Gladson Cameli é lembrado por 45% dos entrevistados. A aprovação do Governo de Gladson é, segundo os números, de 69%.

A pesquisa foi elaborada, a pedido da Fieac, pelo Instituto Perfil Pesquisas. De acordo com os números, foram ouvidos 1.482 eleitores nos municípios de Rio Branco, Cruzeiro do Sul, Sena Madureira, Tarauacá, Feijó, Brasileia, Xapuri e Epitaciolândia. O número de eleitores que diz que ainda não sabe em quem votar ainda é alto: 22,3%. O total de eleitores que não responderam a pergunta é de 7,0%. O segundo melhor colocado na pesquisa é o ex-governador petista Jorge Viana, que fica com 13,4%. O total de eleitores que não responderam a pergunta é de 7,0%.

Nomes como o do ex-prefeito Marcus Alexandre, do senador Sérgio Petecão, da deputada federal Mara Rocha, o estadual Jenilson Leite, os ex-governadores Tião Viana e Binho Marques, e os professores David Hall, Nilson Euclides, Minoru Kinpara, além do Coronel Ulysses, o vereador Arnaldo Barros, o exc-deputado Hildebrando Pascoal, o senador Márcio Bittar, o deputado Roberto Duarte e o prefeito Tião Bocalom também foram lembrados, segundo o levantamento.

O terceiro colocado é Petecão (PSD), com 2,6%. Já deputada federal Mara Rocha, possível candidata ao Governo pelo PL, obteve 2,1% e o médico Jenilson Leite (PSB) ficou com 2,0%. Tião Viana (PT) obteve 0,4%), David Hall (Avante) e Nilson Euclides (PSOL) 0,3%, Coronel Ulysses (PSL), Minoru Kimpara (Sem Partido), Arnaldo Barros (Republicanos), Binho Marques (PT), Hildebrando Pascoal (Sem Partido), Márcio Bittar (PSL), Roberto Duarte (MDB) e Tião Bocalom (PP) são preferidos para 0,1% dos entrevistados, embora a maioria deles nunca tenham se manifestado em relação ao governo. Arnaldo Barros, vereador em Rio Branco, Márcio Bittar, Minoru Kinpara e Binho Marques se declararam fora da disputa. Hildebrando Pascoal, por exemplo, condenado pela Justiça por crimes comuns, está impedido de se candidatar a qualquer cargo eletivo.

ContilNet

COLUNISTAS

128 POSTS0 COMENTÁRIOS
38 POSTS0 COMENTÁRIOS
4 POSTS0 COMENTÁRIOS
2 POSTS0 COMENTÁRIOS
- Advertisement -spot_img