sábado, janeiro 22, 2022
23.3 C
Rio Branco
sábado 22 janeiro 2022

Gladson nega que teve informações privilegiadas sobre operação e volta a defender trabalho da PF

POR Redação Folha do Acre

Após declarar que havia tomado conhecimento da Operação Ptolomeu da Polícia Federal na última semana, o governador Gladson Cameli (PP) negou que tenha tido informações privilegiadas acerca da operação desencadeada na semana passada, e que teve como alvo ele, secretários, servidores de gabinete e empresários.

Gladson contou que ficou sabendo da investigação por meio de programa de rádio. “Essa declaração foi baseada apenas no que a gente ouvia dizer. Meus adversários sempre apostaram que iria ter uma operação contra a nossa gestão. Eu falei isso nesse sentido. Que a rádio peão circulava com essas informações e não que eu havia recebido alguma informação de alguma autoridade policial ou qualquer outra”, declarou.

O governador fez questão de defender a ação da PF no Acre.“A ação foi legal e tanto eu como o nosso governo estamos colaborando para que tudo seja esclarecido o mais rápido possível. É importante que a população saiba a verdade”, comentou.

COLUNISTAS

128 POSTS0 COMENTÁRIOS
38 POSTS0 COMENTÁRIOS
4 POSTS0 COMENTÁRIOS
2 POSTS0 COMENTÁRIOS
- Advertisement -spot_img