sábado, dezembro 4, 2021
25.3 C
Rio Branco
sábado 04 dezembro 2021

Com 1,9 mil presos sem 2ª dose contra Covid, Justiça manda acelerar imunização

POR Redação Folha do Acre

A 1ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Rio Branco determinou que o governo do Acre acelere a vacinação contra a Covid-19 para as pessoas que cumprem pena em unidades prisionais no estado. A decisão veio após a Defensoria Pública do Estado entrar com uma ação civil pública alegando que, mesmo sendo grupo prioritário da Campanha de Vacinação, os presos não foram vacinados em sua totalidade.

A decisão liminar foi divulgada pelo Tribunal de Justiça do Acre (TJ-AC) nessa segunda-feira (1). Conforme a decisão, o estado tem 30 dias para:

  • providenciar cartão do SUS ou documento similar;
  • disponibilizar dados sobre vacinação das 1ª e 2ª doses dos reeducandos;
  • entregar a quantidade de imunizantes que os municípios precisam para vacinar essas pessoas.

 

Com relação aos municípios, a Justiça pontua que também têm 30 dias para distribuir as vacinas na população carcerária, aplicar a 2ª dose nas pessoas que atingiram o prazo determinado pelas autoridades sanitárias, e vacinar os novos ingressos no sistema prisional, que não tenham sido imunizados.

Ao g1, o do Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen-AC) informou que todos os mais de 5,9 mil detentos do sistema penitenciário do Acre já receberam a primeira dose da vacina contra a Covid-19.

G1

COLUNISTAS

128 POSTS0 COMENTÁRIOS
38 POSTS0 COMENTÁRIOS
4 POSTS0 COMENTÁRIOS
2 POSTS0 COMENTÁRIOS
- Advertisement -spot_img