sábado, dezembro 4, 2021
25.3 C
Rio Branco
sábado 04 dezembro 2021

Boi com três chifres vira atração em fazenda no Acre; caso é raríssimo, diz veterinário

POR G1/AC

Boi que recebeu o nome de ‘Meia-noite’, tem quatros anos e vive em uma fazenda na capital acreana, Rio Branco.

Um boi com três chifres simetricamente perfeitos: um do lado esquerdo da cabeça, outro do lado direito e um no meio, tem chamado atenção de pessoas que visitam a Fazenda Piracema, que fica na Estrada Transacreana, em Rio Branco, e funciona como um complexo de diversão.

Batizado de Meia-noite, o animal, que também é chamado carinhosamente pelos peões da fazenda de Negão, tem quatro anos e nasceu na fazenda do pecuarista e empresário Edilberto Afonso de Morais, mais conhecido como Betão.

O pecuarista lembra que quando os chifres do animal começaram a crescer ele percebeu a anomalia e achou diferente. “Atuo no ramo da pecuária há muitos anos e essa foi a primeira vez que vi nascer um boi de três chifres,” confessa.

Betão diz que Meia-Noite é saudável e bem cuidado, assim como todos os outros que ele cria. “Ele é grande e gordo, normal. O povo que vai no balneário gosta de ver. Ele fica lá solto no pasto e as pessoas costumam ir lá para vê-lo”, acrescentou.

O pecuarista afirma ainda que o animal é castrado e é um boi de raça comum. “Ele não é um reprodutor, mas é grande, saudável e muito bem cuidado.”

‘Raríssimo’, diz veterinário

O veterinário da fazenda, Gilberto Marzola, tem 28 anos de experiência em reprodução animal, e explicou que a condição do boi de três chifres não é um caso inédito, mas é raríssimo.

“Isso ocorre raramente entre a população bovina, é uma mutação genética e, quando isso ocorre, quando um animal é identificado com essa anomalia, ele não é destinado para reprodução e sim para visitação,” finaliza.

COLUNISTAS

128 POSTS0 COMENTÁRIOS
38 POSTS0 COMENTÁRIOS
4 POSTS0 COMENTÁRIOS
2 POSTS0 COMENTÁRIOS
- Advertisement -spot_img