quinta-feira, outubro 21, 2021
32.3 C
Rio Branco
quinta-feira 21 outubro 2021

Polícia Civil prendeu 47 pessoas no Acre durante o mês de setembro

POR Ascom Polícia Civil

A Polícia Civil do Estado do Acre, como parte do planejamento estratégico de enfrentamento à criminalidade e à violência, cumpriu diversos mandados de prisão contra pessoas que impactavam na alta da violência na capital acreana.

Nos últimos trinta dias trinta, sob a coordenação do Departamento de Polícia Civil da Capital e do Interior (DPCI), o Núcleo de Capturas (NECAP) prendeu quarenta e sete pessoas envolvidas em crimes como: homicídio, tráfico, roubo majorado, furto, violência doméstica e organização criminosa.

Dentre os presos está J. A. dos S., de 26 anos, preso em posse de um veiculo da marca JEEP, modelo COMPASS SPORT com restrição de roubo registrada na cidade do Rio de Janeiro/RJ, crime ocorrido n o dia 29 de junho de 2021.

Além desse preso, o NECAP também realizou a prisão de um casal em posse de droga, arma, munições, relógios, celulares, balança de precisão, além de vasto material para embalo do entorpecente.

Em balanço geral dos 30 dias, foram capturadas 47 pessoas, dessas três delas foram flagranteadas por posse ilegal de arma de fogo, drogas, munições e dinheiro oriundo da venda do entorpecente.

Dessas pessoas presas, algumas com envolvimentos em organizações criminosas, considerados de alta periculosidade com posição de liderança dentro dos grupos criminosos que estavam soltos, foragidos da justiça.

Além das atividades de investigativas e prisões realizadas na capital Rio Branco, o Necap vem atuando nos municípios do estado objetivando dar apoio as unidades das regionais na captura de infratores que estejam em débito com a justiça.

As ordens judiciais foram expedidas pela justiça do Acre, em processos já transitado e julgado, com sentença definitiva pelos crimes supracitados. O Núcleo Especializado em Capturas da Polícia Civil vem atuando de forma incessante, buscando retirar de circulação pessoas que impactam na alta da violência deste estado.

COLUNISTAS

128 POSTS0 COMENTÁRIOS
38 POSTS0 COMENTÁRIOS
4 POSTS0 COMENTÁRIOS
2 POSTS0 COMENTÁRIOS
- Advertisement -spot_img