quarta-feira, agosto 4, 2021
18.3 C
Rio Branco
quarta-feira 04 agosto 2021

Homem que matou esposa na frente do filho de 6 meses fazia declarações de amor

POR

Por Marcos Dione

Adriana Paulichen, 27 anos, é essa a identificação da mulher esfaqueada e estrangulada até a morte pelo próprio marido na tarde desta sexta-feira (9) dentro de um estabelecimento comercial no bairro Estação Experimental, em Rio Branco. Nas redes sociais, o autor do crime, Hítalo Marinho, de 34 anos, costumava fazer declarações de amor para a mulher, que também retribuía.

Quem via o carinho entre o casal nas redes sociais nem imaginava que a realidade era bem diferente do que ambos publicavam na internet. O relacionamento de Ana, que trabalhava como consultora de vendas, e Hítalo, que atuava como administrador de empresas, era marcado por desavenças e violência mútua.

Um dia antes do assassinato, Ana teria esfaqueado Hítalo numa das pernas. O homem precisou ser socorrido no Pronto Socorro e no momento em que se entregou à polícia ainda estava com o curativo. Informações repassadas pela polícia apontam que no momento em que o homem golpeou a mulher, o filho do casal, um bebê de apenas 6 meses, estava na loja e presenciou a mãe ser morta pelo próprio pai.

Hítalo resolveu se entregar à polícia logo depois do ato e após conversar com a advogada que foi até o local do crime para acompanhar a prisão. Ele foi conduzido à delegacia e deve ser indiciado por feminicídio com pena de 12 a 30 anos de prisão.

COLUNISTAS

128 POSTS0 COMENTÁRIOS
38 POSTS0 COMENTÁRIOS
4 POSTS0 COMENTÁRIOS
2 POSTS0 COMENTÁRIOS
- Advertisement -spot_img