segunda-feira, agosto 2, 2021
18.3 C
Rio Branco
segunda-feira 02 agosto 2021

Jarude vai ao MP denunciar estocagem de vacinas e mudança no cronograma de imunização em Rio Branco: “É brincar com as vidas!”

POR

O vereador Emerson Jarude (MDB) protocolou nesta segunda-feira, dia 14, junto ao Ministério Público do Acre (MP/AC), uma representação pedindo providências do órgão diante das mudanças divulgadas pela Prefeitura de Rio Branco no cronograma de vacinação da população em geral, dentro do Plano de Imunização Contra a Covid-19.

A medida, destaca o vereador rio-branquense, leva em conta possível ato de irregularidade praticado pelo prefeito Tião Bocalom e pelo gestor da pasta de saúde, em prejuízo à população. Jarude destaca que o fato de que retardar a vacinação na capital acreana pode também saturar o serviço de imunização dos municípios do interior, que já iniciaram a vacinação de faixa-etária menor que a de Rio Branco.

“Essa decisão de alterar o que foi pactuado na CIB pode colocar em xeque a vacinação em outras cidades, uma vez que as pessoas podem querer sair de Rio Branco e ir para às cidades onde esse público já está sendo vacinado. Isso prejudica o trabalho de outras cidades”, acredita Emerson Jarude.

Segundo o parlamentar, a decisão do secretário municipal de saúde, Frank Lima, ignora as estatísticas de mortes na pandemia, e o medo das pessoas. “Isso é brincar com a vida. Até quando vai ter que morrer gente para eles acertarem? É uma afronta essa decisão da prefeitura de vacinar uma idade por dia, e não os grupos”, completa o vereador.

Nesta segunda-feira, a Secretaria Municipal de Saúde de Rio Branco (Semsa) começou a vacinar pessoas com idade a partir de 59 anos, e reduzirá na terça-feira, dia 15, para 58 anos, e assim o fará nos demais dias, sempre uma idade a menos por dia. Nessa velocidade, as pessoas com idade a partir de 40 anos, por exemplo, só será vacinada no mês de julho.

Na representação, o vereador Emerson Jarude apresenta exemplos adotados pelos municípios de Xapuri, Cruzeiro do Sul e até mesmo Manaus (AM), neste último onde a vacinação ocorre desde sábado, dia 12, sem pausas, garantindo a vacinação de milhares de pessoas com ou sem comorbidades.

COLUNISTAS

128 POSTS0 COMENTÁRIOS
38 POSTS0 COMENTÁRIOS
4 POSTS0 COMENTÁRIOS
2 POSTS0 COMENTÁRIOS
- Advertisement -spot_img