Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Geral

Aumento do consumo de ovos eleva o preço do produto no Acre

Publicado

on

O aumento do consumo de ovos de granja nesta época de ‘vacas magras’, fez com que o preço da dúzia do produto se multiplicasse na praça. Em Rondônia a caixa de ovos com mais de 13 cartelas chega a cerca de R$ 120,00, enquanto no Acre o preço chega a R$ 170,00 por causa das constantes altas da matéria-prima da ração.

As redes de supermercados pagam R$ 13,30 por cartela e oferta o produto ao consumidor rio-branquense por R$ 16,59. A dúzia do ovo sai da granja por apenas R$ 5,33, mas alguns estabelecimentos comerciais instalados nos bairros da capital acreana vende o produto por até R$ 8,00.

Os vendedores ambulantes chegam a ofertar a cartela do ovo branco por R$ 16,00, mas o vermelho chega a ser comercializado por R$ 17,00 na feira do mercado municipal Elias Mansour.

“Na época do auxílio emergencial de R$ 600,00 cheguei a comercializar três caixas de ovos por dia, agora só vendo uma caixa nos dias de pagamento”, lamentou o vendedor Alan Araújo.

Segundo ele, antes da pandemia chegava a vender a cartela de ovos brancos por R$ 18,00, enquanto o vermelho era comercializado por R$ 20,00. Contou que o preço do produto está bastante em conta, mas o poder de compra da população caiu. “Por enquanto, só estou garantindo o meu sustento”, ponderou o vendedor ambulante.

A granja Carijó conta com um empreendimento que abriga quase 170 mil galinhas poedeiras que conta com uma produção diária acima dos 150 mil ovos. A empresa genuinamente acreana é responsável por abastecer 70% do merca-do interno acreano e garante a geração de empregos diretos e milhares indiretos.

A Tribuna

Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas