Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Política

Marcio Bittar diz que educadores estão querendo privilégios com vacina

Publicado

on

O senador Márcio Bittar (MDB) publicou um vídeo nas redes sociais nesta terça-feira, 25, criticando o pedido prioritário da vacinação contra Covid-19 pelo sindicato da Educação no Acre, que está em greve desde 13 de Maio.

A categoria exige além da vacinação contra Covid-19, a reestruturação do Plano de Cargos e Carreiras (PCCR) e o pagamento do Prêmio Anual de Valorização e Desenvolvimento Profissional (VDP).

Para o senador, o sindicato da Educação ao reivindicar o direito à vacinação contra à Covid-19 para retornar os trabalhos presenciais estariam exigindo um privilégio. Segundo o senador, uma categoria não pode se sobrepor às outras.

“Tudo aquilo que você pede para a sua categoria, mas que não pode ser estendida para todos os brasileiros, você está na verdade pedindo um privilégio. Veja bem, os trabalhadores da saúde enfrentam a Covid-19 mais de um ano sem vacina, os trabalhadores da segurança a mesma coisa. Por que um determinado sindicato, para que as pessoas voltem ao trabalho, exigem ser vacinados primeiro? Nós temos milhões de brasileiros na: construção civil, serviços e zona rural, que não foram vacinados. Portanto, aquilo que exige algum sindicato, é um privilégio inaceitável. Nós temos um problema muito grave na educação, o Brasil gasta muito e tem uma educação de péssima qualidade. Sindicatos não podem ser instrumentos para privilégios disfarçados de direitos! Uma categoria não pode se sobrepor às outras”, afirmou.

Ac24horas

Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas