Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Cotidiano

Acreanos se aglomeram em balneário no domingo de Páscoa no pior momento da pandemia

Redação Folha do Acre

Publicado

on

O domingo era de Páscoa e a orientação do decreto governamental é que as pessoas não se aglomerem, não usem espaços públicos e até privados com grande concentração de gente . Isso pra se evitar a transmissão da Covid-19.

Mas não foi o que aconteceu no balneário Água Preta, no Bairro Cruzeirinho Novo, em Cruzeiro do Sul, na tarde deste domingo, 04 de abril.

O local é tradicionalmente conhecido, devido durante a cheia dos Rios Môa e Juruá, ficar alagado, sendo um ambiente atraente para os banhistas. A água se torna preta, devido a influência do Rio Môa.

Muitos se aglomeraram no local para beber e se banhar. Nada que não fosse permitido em outras épocas, mas o que acaba se tornando um risco para a infecção da Covid-19.

O Acre vivencia uma onda de confirmações de casos. Sem contar com as quase 1.300 vítimas fatais da doença e as dezenas de internados nos Hospitais de Campanha.

Com informações Juruá Online

Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas