Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Polícia

Idoso acusado de estuprar e engravidar neta tem pedido de liberdade negado

Redação Folha do Acre

Publicado

on

Defesa do idoso entrou com pedido na Justiça de Cruzeiro do Sul alegando que o cliente tem problemas de saúde. Homem foi preso no último dia 16, após família de Marechal Thaumaturgo denunciar o caso.

O idoso de 73 anos suspeito de estuprar e engravidar a neta de 13 anos zona rural de Marechal Thaumaturgo, interior do Acre, teve um pedido de prisão domiciliar negado pelo Juízo da Vara da Infância e da Juventude da Comarca de Cruzeiro do Sul.

Ele está preso desde o dia 16 de março, quando teve a prisão preventiva decretada pela Justiça e foi transferido para o presídio de Cruzeiro do Sul.

A defesa entrou com pedido de prisão domiciliar alegando para a Justiça que o cliente, além de ser idoso, sofre com pressão alta e gastrite nervosa. Outro argumento usado é sobre o risco de contaminação pela Covid-19 na unidade prisional.

O G1 tentou contato com os advogados citados no processo, mas não obteve resposta até a última atualização desta reportagem.

Na decisão, o juiz de Direito Marlon Machado destacou que, após a soltura, o idoso poderia utilizar da liberdade para ameaçar a vítima.

“Da análise do caso, é possível perceber que a manutenção da prisão preventiva do investigado é medida necessária para manutenção da ordem pública e da instrução criminal, visto que o acusado à solta poderá voltar a ameaçar a adolescente e sua família, conforme fundamentado na decisão que decretou a referida prisão”, afirmou o juiz.

G1

Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas