Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Geral

Falta oxigênio em distribuidoras do Acre e em caso de explosão da Covid rede pública será afetada

Gina Menezes

Publicado

on

Poderá faltar oxigênio na rede particular de saúde do Acre nos próximos dias e se houver aumento exponencial nos casos de Covid-19 até mesmo a rede pública poderá ser afetada. A reportagem da Folha do Acre conversou ontem (9) com dois dos principais distribuidores de oxigênio no Acre que afirmaram que estão sem o material para pronta entrega. A empresa Oxiacre estava sem oxigênio para revenda na manhã de terça-feira e a Bombeiraço, outra distribuidora de oxigênio, também não tinha e a previsão de chegada seria para sexta-feira (12).

“A situação está muito difícil”, afirmou uma das atendentes ao ser questionada sobre a falta de oxigênio.

A reportagem da Folha do Acre entrevistou o secretário de Saúde do Acre, Alysson Bestene, na manhã desta quarta-feira (10) que afirmou que as unidades de saúde da rede pública que possuem miniusinas estão em conformidade, mas que o risco será se houver um aumento exponencial dos casos de infecção por Covid-19 e que atinja os municípios e unidades que não têm as tais usinas, como é o caso de alguns municípios do interior.

“Nós temos nosso plano de contingência e o acordo que seja enviado para nós os cilindros de oxigênio que enviamos a municípios como Acrelândia onde não há usina. Nosso temor é que possa aumentar muito os casos de Covid e termos problemas, mas o que posso adiantar é que temos um plano de contingência em andamento e está tudo sob controle”, diz.

Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas