Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Polícia

Funcionária da Caixa Econômica morre após parto com trombose pulmonar

Redação Folha do Acre

Publicado

on

Maria Danúbia Souza de Oliveira,38, estava gestante de 36 semanas e 6 dias segundo a direção da Maternidade de Cruzeiro do Sul.

Ela faleceu por volta das 13 horas após procurar atendimento médico e passar por uma cesárea.

A causa da morte segundo nota da Maternidade foi tromboembolismo pulmonar, devido a um quadro de coagulação intravascular disseminado.

Após ser atendida pela manhã na instituição de saúde, o médico plantonista verificou a piora clínica da paciente, segundo o que relatou o enfermeiro Fernando Rossi Gerente de Assistência à Saúde da Maternidade. “A senhora Maria Danúbia estava gestante de 36 semanas e 6 dias. Ela buscou hoje atendimento no Hospital da Mulher e da Criança por volta das 9:50 da manhã, onde foram verificados todos os seus sinais vitais e em seguida foi atendida pelo médico plantonista Júlio Seixas que iniciou a avaliação, quando percebeu a piora clinica”.

A criança nasceu com desconforto respiratório e foi encaminhada a unidade de cuidados intensivos neonatais. O bebê é um menino e nasceu com 2 quilos e 900 gramas e tem 50 cm de altura.

De acordo com enfermeiro Fernando Rossi durante o período de recuperação após a anestesia a paciente Maria Danúbia veio a óbito.

Quanto à possibilidade de Danúbia ter morrido em função de consequências da Covid-19, o gerente geral da Maternidade de Cruzeiro do Sul, Rafael Gomes disse que não pode confirmar essa informação.

Segundo ele, “há um mês atrás Danúbia foi internada na Maternidade por testar Covid – 19. Ela foi tratada e recebeu alta. Hoje quando foi atendida não apresentou nenhum sintoma da doença”, destacou.

Danubia era funcionária de carreira da Caixa Econômica Federal.

Com informações Juruá Online

Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas