Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Destaque

Padre sugere multa de R$ 50 mil a quem promove evento com aglomeração no Acre

Redação Folha do Acre

Publicado

on

O governo do Acre promoveu nessa sexta-feira, 29, uma nova reunião por videoconferência com entidades e o Comitê de Acompanhamento Especial da Covid-19 para tratar de medidas urgentes para conter a evolução da pandemia do novo coronavírus nos municípios acreanos.

Um dos convidados foi o padre Padre Massimo Lombardi, responsável pela área missionária Conjunto Habitacional Cidade do Povo, em Rio Branco. Cada participante pode sugerir medidas a fim de evitar a proliferação do vírus. Massimo deu ao menos cinco pontos que poderia ser aderidos pelo Estado neste momento.

“Minhas sugestões: multa de R$ 50.000,00 a quem promove um evento com aglomeração; multa de R$ 500,00 a quem participa desse evento; multa de R$ 50,00 a quem sai de casa sem máscara”, opinou Lombardi.

O padre também sugeriu que a secretaria estadual de Saúde (Sesacre) tenha medidas específicas para cultos e missa: “multa de R$10.000,00 ao padre ou pastor que celebra com os fiéis sentados a menos de um metro e meio do outro”, comentou.

Por fim, Massimo também apontou que o governo pode proibir viagens de moradores para fora do seu município nos próximos 15 dias. O Estado ainda não se pronunciou sobre quais medidas serão ou não adotadas em caráter de urgência nos próximos dias.

Ac24horas

Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas