Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Geral

Festa no Clube dos Oficiais é transformada em confraternização

Kenedi Rodigues

Publicado

on

Com o decreto estadual em vigor que estipula o horário de fechamento de bares, boates, restaurantes e distribuidoras de bebidas a partir das 22h, no sentido de evitar aglomerações e conter o avanço da pandemia pelo Covid-19, empresários estão transformados as festas que ocorreriam neste horários em “confraternizações”.

Apesar de não ser ilegal, a medida resultou em críticas de populares, já que o Acre vive um momento de pico da pandemia, em que a maioria dos leitos de UTIs na capital ultrapassam a marca de 70% de ocupação.

Nas redes sociais, por exemplo, vem sendo divulgado um baile com data prevista para o próximo sábado, 30, no Clube dos Oficiais Bombeiros Militares. O anúncio oferece combos ao custo de R$ 40,00, R$ 70,00 e até R$ 100,00.

No anúncio, os organizadores pedem atenção para o horário de funcionamento do baile, que tem início às 12h e segue até às 22h, horário em que o decreto entra em vigor. Ao ac24horas, Nelson Silva, responsável pela organização da confraternização, afirmou que o evento será feito obedecendo às normas da Vigilância Sanitária. Para mostrar que o evento ocorrerá dentro dos padrões, Nelson enviou um vídeo de como será feita a distribuição do espaço do local.

Mesas com o distanciamento necessário de 1,5m entre outras, além de placas ressaltando o uso de máscaras e um frasco de álcool gel em cada mesa. Ele ressaltou que o evento que ocorrerá neste sábado, 30, também arrecadou alimentos perecíveis que serão distribuídos às famílias que estão sofrendo com o fim do auxílio emergencial.

“Vai ocorrer limites de pessoas. Estou ciente que só posso colocar 30% de pessoas no local. As pessoas vão entrar e sair do ambiente. Uma feijoada com música ao vivo. Além disso, vai ter uma equipe no portão aferindo a temperatura de cada um com equipamento”, ressaltou.

AC24H

Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas