Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Cruzeiro do Sul

Cinco famílias são removidas de casas após desbarrancamento do rio Juruá no interior do Acre

Kenedi Rodigues

Publicado

on

Após transbordar e atingir pelo menos nove bairros, em Cruzeiro do Sul, no interior do Acre, o rio Juruá começou a apresentar vazante desde a última semana, porém, cinco famílias ainda sofrem com os efeitos da cheia e precisaram ser retiradas de casa.

Com a vazante do manancial, que chegou a cota de 8,92 metros nesta terça-feira (19), cinco famílias do Miritizal ficaram desalojadas por causa de desbarrancamento em dois lugares diferentes no bairro.

O coordenador da Defesa Civil da cidade, José Lima, disse que duas das famílias desalojadas estão em aluguel social e outras três em casas de familiares.

“A gente teve desbarrancamento e cinco casas foram atingidas, estamos dando assistência com aluguel social e distribuição de cestas básicas para estas pessoas que foram atingidas. Os bairros não estão mais atingidos. É só desbarrancamento no Miritizal, em dois pontos, aproximadamente 1 quilômetro de um para o outro”, disse.

Lima acrescentou que o trabalho da Defesa Civil tem sido de monitoramento, após as águas baixarem, principalmente por causa dos desbarrancamentos.

“A gente continua, nesse momento, no monitoramento dos desbarrancamentos e deslizamentos, acompanhando às famílias que foram atingidas e prestando socorro naquilo que está sendo necessário. O rio baixou bastante e todos os bairros estão sem água nele, apenas o desbarrancamento tem sido problema, agora”, concluiu.

Cheia no Juruá

Os moradores de parte dos bairros Miritizal, Lagoa, Olivença e Estirão do Remanso, em Cruzeiro do Sul, tiveram o fornecimento de energia elétrica suspenso por causa do nível do Rio Juruá. O manancial marcou mais de 13,30 metros na última semana e deixou pelo menos 5 mil famílias de seis bairros e outras três comunidades afetadas.

Uma mulher, de 32 anos, morreu no dia 11, em um dos bairros atingidos pela cheia. Maria das Graças Marques morreu no bairro Olivença, após cair com a mão sobre um fio de eletricidade.

G1

Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas