Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Geral

Bujari deixa de aplicar dinheiro na educação e vira alvo do Ministério Público

Redação Folha do Acre

Publicado

on

A Prefeitura de Bujari está sendo investigada pelo Ministério Público do Acre após informações de que não teria respeitado o limite mínimo de investimentos na educação municipal no ano de 2017, primeiro ano de gestão de Romualdo Araújo.

O MPE abriu procedimento investigatório nesta quarta-feira (13) após analisar que o percentual máximo das receitas do FUNDEB não aplicados no ano, seria de 5%, sendo que o município de Bujari deixou de aplicar 6,96%, porcentagem acima da permitida.

“Conclui-se que o total de repasses feito pela União ao Município de Bujari-AC, foi de R$ 6.103.299,11 (seis milhões, cento e três mil, duzentos e noventa e nove reais e onze centavos), no exercício de 2017, conforme demonstra o Banco do Brasil S/A”.

Em sua resposta, a PMB informou que o montante não aplicado do FUNDEB no ano de 2017 foi de R$ 119.428,60, correspondente a 1,96% do valor total. Além disso, o ente municipal afirmou que tais valores foram dispendidos no ano de 2018 e que o erro se deu pela inexperiência dos administradores.

Publicidade
Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas