Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Polícia

Membros de facção acusados de executar jovem no AC são condenados a mais de um século

Redação Folha do Acre

Publicado

on

Consta no processo que a vítima teve a casa invadida e foi executada a tiros de pistola e de uma espingarda

Os quatro envolvidos na execução do jovem Marcos Vínicios Martins de Lima, crime ocorrido em dezembro de 2018, foram condenados a mais 105 anos de prisão.

A decisão foi do Conselho de Sentença da 2ª Vara do Tribunal do Júri e Auditória Militar, em sessão realizada na última segunda-feira (5).

Os quatro réus foram condenados por homicídio duplamente qualificado e também por integrar organização criminosa.

Davi de Souza Alves recebeu pena de 26 anos, 7 meses e 20 dias; Marcos Souza do Nascimento, o Brinquedo Assassino, 20 anos 3 meses e 22 dias; Izaque de Souza Leão, o da Guerra, 34 anos, 10 meses e 25 dias; e David de Souza Leão, o Bigó, recebeu pena de 24 anos, 4 meses e 15 dias.

Os quatro, que são membros de uma organização criminosa, executaram o jovem Marcos Vínicios Martins, na noite de 14 de dezembro de 2018.

O crime aconteceu no Bairro Ilson Ribeiro, região do Calafate.

Consta no processo que a vítima teve a casa invadida e foi executada a tiros de pistola e de uma espingarda de repetição calibre 12.

A execução do jovem foi motivada por conta da guerra de facções.

Com informações ContilNet

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas