Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Cotidiano

Agentes Socioeducadores buscam apoio para mudança de Lei aprovada em que prejudica cerca de 70 servidores

Avatar

Publicado

on

Representantes do Sindicato dos Técnicos e Agentes em Ações Socioeducativas do Acre (Sintase) estiveram reunidos na manhã desta quarta-feira, 16, com o vice-governador Major Rocha em busca de apoio para mudar alguns pontos na Lei aprovada na Aleac e sancionada pelo governo Estadual que trata sobre o Plano de Cargos, Carreiras e Remuneração do quadro de servidores do Instituto Socioeducativo do Estado.

Entre os pontos questionados pela categoria é a idade máxima para o ingresso no cargo de Agente Socioeducativo,

“A grande maioria de nossos servidores são provisórios e existe uma exigência do Ministério Público que esses servidores sejam efetivados através de concurso público, isso é perfeitamente normal, mas da forma que a lei foi aprovada com a idade máxima de 40 anos mais de 70 servidores já estão automaticamente fora do concurso. São 70 pais e mães que serão prejudicados com a aprovação desta lei”, protestou Alessandra Viana de Lins, vice-presidente do Sintase, destacando ainda que outros pontos da referida lei também serão questionadas.

O vice-governador Major Rocha, que recebeu os representantes da categoria em seu gabinete, já levou o caso ao conhecimento da Casa Civil e se comprometeu em conversar governador Gladson Cameli para tentar uma solução para o impasse.

“Para nós foi uma surpresa essa alteração na lei do PCCR impondo esse limite de idade de 40 anos, limite esse que já foi aprovado e sancionado, mas que infelizmente não contou com a participação, com a opinião, com a colaboração do sindicato ou do próprio ISE. Temos que continuar ouvindo e dialogando com as categorias, acho que devemos resolver essa situação e já conversei agora a pouco com o chefe da Casa Civil e também levarei essa situação ao governador para acharmos uma solução para esse impasse”, ressaltou Rocha.

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas