Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Saúde

Prefeitura de Rio Branco vai ampliar a Urap Rozângela Pimentel

Redação Folha do Acre

Publicado

on

Localizada em uma das regionais mais populosas de Rio Branco, a Unidade de Referência de Atenção Primária (Urap) Rozângela Pimentel, no bairro Calafate, vai ser reformada e ampliada pela Prefeitura de Rio Branco com parte dos recursos provenientes de emenda parlamentar do vereador Antônio Morais, no valor de R$ 49,6 mil.

A ordem de serviço foi dada pela prefeita Socorro Neri na tarde desta sexta-feira 14, durante visita à unidade, acompanhada pela secretária municipal de Saúde, Jesuíta Arruda, e do coordenador do Comitê Municipal de Enfrentamento ao Corona vírus, médico Osvaldo Leal. O ex-deputado Lira Morais também participou representando o irmão, vereador autor da emenda, que não pôde comparecer, acometido por Covid-19.

Durante conversa com os servidores da unidade, a equipe gestora e os presentes, entre os quais líderes comunitários e outros familiares de Morais, a prefeita Socorro Neri enalteceu as ações em saúde e falou sobre as melhorias que serão realizadas na estrutura da unidade.

“Realizamos um trabalho de forma integrada entre a equipe da Secretaria Municipal de Saúde, coordenada pela secretária Jesuíta e pelo doutor Osvaldo, com a Socorro [Brito] que coordena aqui a unidade de saúde e nós, enquanto gestão, só recebemos elogios da atuação de vocês. Os relatos que ouço é que a pessoas vem, são bem atendidas, saem satisfeitas com o atendimento, com a organização, com a limpeza. Então é isso que nós queremos. Somos servidores públicos e trabalhamos para atender bem a nossa população, para servir bem a nossa sociedade e essa ampliação vai deixar o ambiente ainda mais adequado para fazer o atendimento”, disse a prefeita Socorro Neri.

A prefeita lembrou ainda que outras ações estão sendo implementadas no sentido de melhorar os serviços de saúde da rede municipal, como a contratação de colaboradores temporários que irão reforçar as equipes de todas as unidades, incluindo a assistência farmacêutica. “Tudo isso são melhorias que devem acontecer e vão acontecendo e outros benefícios serão realizados à frente. Eu digo sempre que devemos dar um passo de cada vez, de forma planejada e sustentada. Não adianta queremos fazer tudo ao mesmo tempo para não atrapalhar o que já está acontecendo de forma positiva. E nós só temos tido melhorias na saúde do Município. Temos pessoas que realmente vestem a camisa, que conhecem o Sus [Sistema Único de Saúde] e fazem acontecer as melhorias que precisamos”, destacou.

A Urap Rozângela Pimentel foi inaugurada em 28 de dezembro de 2008, e atende 18 bairros da regional Calafate. A área total onde foi construída é de 2.932,16 metros quadrados e, inicialmente, o prédio tinha 302 metros quadrados. Em 2012, devido ao grande fluxo de pessoas, recebeu sua primeira ampliação passando para 398,44m2, e agora será ampliada em mais 36,89m2, totalizando 435,33m2.

A obra será iniciada na próxima segunda-feira, 17, com prazo de execução de 90 dias e consiste em ampliação da recepção, do laboratório e da farmácia que passará a ter dois cômodos, sendo um deles destinado a ser o depósito de medicamentos, atendendo às necessidades da unidade, conforme explicou a coordenadora, Socorro Brito.

“Estamos muito contentes com essa ampliação porque vamos poder acolher melhor ainda os usuários que vem na nossa unidade. Essa ampliação vem a contribuir para que possamos atender melhor a nossa comunidade, além de melhorar as condições de trabalho para os funcionários. Recebemos aqui pessoas de todos os locais de Rio Branco, uma vez que somos uma Urap, sendo responsável pelo segmento de saúde que abrange duas Unidades de Saúde da Família, realizando exames de laboratório e atendimento a especialidades como ginecologia e pediatria”, informou.

A secretária Jesuíta Arruda acrescentou que a obra visa melhorar a ambiência. “Essa é uma unidade de referência, então a ampliação é importante porque vai melhorar o local onde é a chegada dos pacientes e onde são disponibilizados os medicamentos e também onde são realizados os primeiros socorros. Vai melhorar o atendimento à população e às equipes de Saúde da Família que demandam para essa unidade os serviços que não são de competência e, por isso, não são feitos nas Unidades de Saúde da Família”, detalhou a secretária.

Ascom

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas