Connect with us

Rio Branco, Acre,

 

Esportes

Após contratar Bruno, Rio Branco quer trazer atacante ex-Botafogo, preso acusado de estuprar adolescentes

Redação Folha do Acre

Publicado

on

A contratação do goleiro Bruno Fernandes, ex-Flamengo, pode ser só pontapé inicial para a chegada de mais reforços de impacto ao Rio Branco-AC. O Estrelão, que corre o risco de ter apenas o Campeonato Acreano para disputar em 2021, se não conquistar vagas em competições nacionais na atual temporada, está conversando com o atacante Jobson, 32 anos, ex-Botafogo, Bahia e Atlético-MG, que defendeu o Independente-PA no primeiro semestre deste ano.

De acordo com o presidente do Rio Branco-AC, Valdemar Neto, a “paquera” existe há duas semanas, mas nada foi fechado até o momento.

– Houve esse contato, nós estamos conversando. Por enquanto, só paquerando. Não tem nada de concreto, mas estamos conversando. Nada fechado. Foi só uma pesquisa que fizemos. Mostrou interesse (o jogador) – diz.

Após deixar o Independente-PA, Jobson foi anunciado como reforço do União Cacoalense-RO para a disputa do Campeonato Rondoniense. Como o estadual em Rondônia só está programado para reiniciar em novembro, o presidente do clube, Wesley Dias, quer ver os atletas em atividade para não chegar à competição em condições abaixo do ideal, segundo o dirigente do Estrelão. Por isso, a alternativa seria a liberação de Jobson por empréstimo ao Alvirrubro do Acre.

– Isso tudo é feito pelo presidente Wesley, do Cacoalense. Ele (Jobson) tem contrato até 2021. Ele (Wesley), que está vendo pra gente porque quer botar o jogador pra jogar porque lá só começa em novembro. Ele está querendo botar os jogadores dele pra trabalhar. O presidente (do União Cacoalense) que vai me dizer como é que vai ser – explica Valdemar Neto.

Jobson foi preso em 2016 acusado de estuprar 4 adolescentes no estado do Pará, sendo duas de 13 anos e duas de 14 anos, segundo uma vítima, Jobson aliciava as menores para sua chácara, lá, ele embriagava e entorpecia para abusar delas sexualmente.

Com informações do Globoesporte/ac

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Facebook

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade

Mais Lidas