terça-feira, julho 27, 2021
33.3 C
Rio Branco
terça-feira 27 julho 2021

De “menino mimado” a articulador: Gladson enfraquece PP e pode juntar Socorro e Minoru na mesma chapa ao ir para PSDB

POR

Menos de duas semanas depois de ter sido achincalhado pelo presidente municipal de sua própria sigla, até então o PP, o governador Gladson Cameli passou uma semana fora do Acre e retornará ao estado na próxima semana com o PSDB debaixo do braço, a garantia da executiva nacional de que comandará o processo eleitoral em Rio Branco e com a pré-candidatura de Minoru Kimpara, criando seu vice, Wherles Rocha, a seu dispor para fazer dela o que bem quiser, inclusive rifá-la.

De “menino mimado”, como foi chamado pelo presidente do PP municipal, de ingênuo como é descrito por aliados, Cameli passará a estatura de articulador capaz de destruir as intenções de Rocha que até mudou de partido para poder manter a candidatura de Kimpara.

Cameli continuará apoiando Socorro Neri, a informação foi passada por fonte segura. Inclusive, das 3 pessoas que sabiam de suas articulações com a executiva nacional do PSDB estava a prefeita de Rio Branco. “Ela continua sendo a candidata dele. As coisas irão acontecer”, contou uma fonte.

Socorro havia conversado por telefone com Cameli a respeito das movimentações a nível nacional enquanto Petecão se juntava a Rocha e Flaviano para tentarem contrapor Cameli e sua candidata a prefeita.

Parece que Cameli amadureceu. De uma vez só se livrou do PP, que lhe custa uma fatura alta com centenas de cargos, e ainda trouxe para si a chance de rifar a candidatura que em tese mais ameaçaria a reeleição de Socorro Neri. É, pastor Reginaldo e cia, vocês terão que rever seus conceitos sobre Cameli. Como diria minha mãe, de bobo ele só tem a cara.

COLUNISTAS

128 POSTS0 COMENTÁRIOS
38 POSTS0 COMENTÁRIOS
4 POSTS0 COMENTÁRIOS
2 POSTS0 COMENTÁRIOS
- Advertisement -spot_img